20.11.08

Vamo conversar, Bacana



O Juiz Incolor
pixel sobre byte.

Clique aqui pra ver a musa.

7 comentários:

Heyk Pimenta disse...

Pena eu só ter visto isso agora, adorei.

Parabéns victão, o Bacana tá no Rio.
Tô avisando ele agora.

Abração.

Rachel Souza disse...

Bacana aceitou conversar?rs
Adorei o colorido, a expressão da coisa!

Leon Prado... disse...

sou meio chato..
nao vou dar minha opinião....

Victor Meira disse...

Ah Leon, pula na roda. Para de besteira, e se não gostou, entra com outras propostas. Sei que você ilustra também.

Vamo nessa, meu nego.

Welington de Sousa disse...

AI VICTOR MENEIRO ESSA TUA PROPOSTA !
BEM LEGAL

Victor Meira disse...

Massa Welington!

A idéia é essa. É reler, transformar, estragar, reformular a obra do outro artista da roda. É expandir possibilidades. E isso ainda causa uma certa consagração das personagens, com o processo de "multiplicação", já que se vê a mesma coisa em outro contexto.

E penso que é bem legal isso não só na imagem, mas literariamente, musicalmente e o escambau. Pegar, digamos, um personagem de um conto de fulano e escrever outro conto com ele. E também caminhar entre formatos, desenhar personagens literários, ou compor poesia em cima das ilustrações de ciclano.

É pira.

Heyk Pimenta disse...

já de ponto concordo, e investirei esforços para uma transloucação de alguém no tempo. seja lá o que for.