1.1.10

A Maravilhosa Experiência Livre e Deficiente



Debout sur le Zinc é uma banda francesa, difícil de enquadrar em algum estilo - tendência de muita coisa boa que se tem feito por aí. A Wikipédia até tenta rotular, dizendo que é uma mistura de música francesa com música irlandeza, rock, klezmer, gypsy jazz (jazz cigano), tango e valsa. Dá pra ter idéia do som?

Descobri a banda brincando de descobrir música boa de outros países (atividade excitante com tendências ad infinitum, alerto). Na profusão de um sem-número de ferramentas (allmusic, skreemr, last.fm, wikipedia, isohunt), a ideia é ir separando o joio do trigo (via gosto - o parâmetro mais excelente que já inventaram), buscando sempre uma experiência válida e concreta com cada banda. Ocorre que, buscando a referência da referência da referência da referência, a experiência se torna mais pura, pois há pouquíssimos valores - além do som em si - relacionados com a banda. A experiência acontece dentro de um contexto mínimo - não se conhece a proposta do grupo musical, ou uma eventual roupagem adotada, rótulos ou estilos -, o que permite que a música soe mais alta do que outros potenciais parâmetros de julgamento e contemplação.

Quem gosta de baixar coisa nova sabe do que eu tô falando. Nossa posição como caçador de tesouros é ativa; digo, a banda não vem até a gente, mas a gente vai até ela, e pra isso é imprescindível que ela exista em quantos espaços virtuais forem possíveis. E ouvir pela primeira vez um banda recém baixada, da qual não se sabe nada além do nome, apenas deixando-a escorrer pelo tempo e pela sala, é das coisas mais gostosas de se fazer. Entretanto, esse deslocamento contextual nos deixa nus dentro de um universo experimental que, por vício ou virtude, se relaciona frequentemente com valores periféricos, como os estimulos visuais da identidade gráfica e do figurino dos músicos; a identificação com o perfil do fã-comum; opniões da crítica especializada e dos formadores de opnião; e os demais símbolos e signos que giram em torno do objeto. Exponho, por absurdo que soe: é possivel experimentar uma banda sem mesmo ouvir suas músicas.

O que quero dizer é que a internet nos propõe experiências mais puras (livres de valores orbitantes) do que as que temos fora dela - e talvez, por causa disso, experiências menores, deficientes. Não falo apenas de música, mas de literatura, artes plásticas, o que quer que seja. Exemplifico: ler uma poesia, aqui no Zinabre, do Leo Curcino ou do Heyk Pimenta e vê-los falar a mesma poesia num sarau são experiências distintas, que vão criar impressões e entendimentos diferentes. Aqui têm-se uma identidade gráfica, uma proposta coletiva bastante aberta e a possibilidade de diagramação no texto. No sarau vemos a cara do sujeito, sua roupa, o tom de sua voz, as flexões e as gaguejadas, a reação da platéia; ali ele está inserido num contexto onde há iguais, e relacionamento com esses iguais; há o sotaque goiano do primeiro e o mineiro do segundo. A cabeleira cacheada, o modo sedutor e o sorriso sem-vergonha do segundo, assim como o jeito tímido e sincero do primeiro, dotado de um "quê" indígena (e algo feminino, sem duvidar de toda macheza) nas feições. Todo esse trem periférico - esse anel planetário - se mescla com a poesia que é dita e forma um só corpo, uma só existência.

De nós, experimentadores de primeira mão (já que somos a primeira geração que creceu com a coisa-internet), surge um modo novo de entender, processar e interpretar o mundo. Aliás, é desse mundo, de experiências virtuais e não-virtuais, puras e deficientes ou saturadas de valores periféricos, que a gente tira a matéria prima e cria valores pra fazer o que a gente tem chamado de arte. Não é?

Esse post se expande (falando mais do Debout sur le Zinc) no Overlei.

4 comentários:

Livia Ulian disse...

Tenho que admitir que tiro o meu chapéu para sua conclusão de algumas de nossas percepções.No entanto,não concordo com alguns pontos como qd vc fala
"a ideia é ir separando o joio do trigo (via gosto - o parâmetro mais excelente que já inventaram), buscando sempre uma experiência válida e concreta com cada banda. Ocorre que, buscando a referência da referência da referência da referência, a experiência se torna mais pura, pois há pouquíssimos valores - além do som em si - relacionados com a banda"
As vezes o que é joio pra vc pode ser trigo pra outras pessoas e ainda bem pra dizer a verdade, pois assim fica comprovado de que todo mundo tem gostos diferentes. Também penso que as referências, principalmente as musicais, possam te levar pro que é realmente puro, música como eu vejo é mistura,impossível de ser pura. Nenhuma banda é igual a outra e como vc mesmo disse algumas são incapazes de serem rotuladas, assim como a Debout sur le Zinc. Com o quê compara-las???
Bom é isso

Lírica disse...

Debout Sur le Zinc, assim como algumas outras bandas que parecem não ter nada a ver com ela, na verdade, ao meu ver mesclam tantas informações musicais que fica difícil defini-la, mas é muito rico acessar algo que traga tantas informações em forma de sensações. É meio que o resultado do momento que vivemos... eu acho. Ouvir Streetlight Manifesto, GoGo Bordeloo, Beirut... e Debout é ouvir ao mesmo tempo: música cigana, samba, bossa, valsa, salsa, rock,música dos Balcãs... Porque esses m;usicos transitam por uma cultura globalizada e que tende a se "desdiferenciar" (para usar um termo médico. Por um lado, denunciam que as culturas estejam se uniformizando e perdendo identidade (?). Por outro, oferecem-nos uma volta ao mundo em poucos minutos muito ricos musicalmente.

Heyk Pimenta disse...

é difícil não tem em qualquer lugar da internet um modelo, um layout, uma imagemzinha que seja que não nos diga antes do poema, da música. cansei de ir pra blog e não ler um texto que fosse, porque achava a pose da pessoa na foto terrível, a fonte que ela escolhia, as imagens que haviam no blog. Terrível. Aí ia embora sem ler. Fazer o quê, só o que me atrai de prima que dou atenção. Se for mesmo legal, geralmente acaba alguém me convencendo depois e acabo dando atenção de novo outra hora, mas por mim sozinho, só se o conjunto me pegar.

São experiências imensamente diferentes mesmo ver um troço olho no olho e ir chutando filtros de internet pra chegar nele.

É mais fácil gostar de poesia falada. é mais fácil gostar de música do que de poesia. é mais fácil ter 800 giga de música da internet do que ler um livro do latour, os dois de baixa pelo mesmo site.

as sensações são preponderantemente levadas em conta, quando mais fizer sentir, mas vale. será o império dos sentidos, e neo liberealismo nada? seria então um polvo com todas suas ventosas sensíveis e gustativas mais indicado para o mundo do que nós?

temos que pensar nossos parâmetros, colocar tudo na bunda do gosto é tarefa simples demais pra definir todo a sensação.

beijo, parabéns pelo artigo, minha negligência me cansa.

Anônimo disse...

[b][url=http://www.beatsbydresea.com]Cheap Beats By Dr Dre[/url][/b] a vey important issue of the tones look earbuds could possibly be the fit. reliable wireless earbuds are excellent, If the fit isn't good the wireless earbuds are perhaps worthless. many earbuds be buying range of audio separating earbud take over general sizes and then species to attempt to be liked by a lot of people. Dre and therefore beast ought to give you next. quite a number of possibly be challenging to top rated. in addition in most cases you cannot hear the music in harmony with with all the normal headphones that are delivered.


[b][url=http://www.beatsbydrekings.com/]beats by dre[/url][/b] yet another included in present attached to the instant bluetooth headset will probably be universal series bus, also it can be named one lamborghini beats by dre of the most advanced and luxurious considering all of as it offers a great deal of enjoyment to you. all use the sophisticated bandwith scheme by way of simple successive motorcoach, showing both comfortableness with luxury are unrealistic with the standard headphones. the best headsets can a completely new about the internet practice as you can utilize them for any audio pertinent features off your computer as Interne.


the very sounds production caused by dr. Dre also has various kinds earphones. there are many the well-written facilities headsets - the actual defeats school. beats by dre earbuds normally takes vintage orange and after that schokofarbene as area system, providing the ground-ceasing ocular sense. one's thing, this in turn distinction tint method is filled with "cosmetic impact, As stressful considering that the acoustic the particular enormous. the form of other cordless earbuds are created to fit into those ears snugly.

http://www.beatsbydresea.com